Entrevista com o escritor Batuta Ribeiro

Hoje a postagem é sobre uma entrevista que fiz com o escritor brasileiro de contos de terror Batuta Ribeiro. Fiquei super feliz por ele ter aceitado o convite e disponibilizado alguns contos para vocês!

Conheci o trabalho dele no facebook, no grupo ‘ O beco dos livros’. Eventualmente ele posta alguns de seus contos e os leitores vão a loucura! A primeira história que li me deixou de boca aberta (vou disponibilizar para vocês) e quando descobri que ele era escritor e tinha outros contos, virei fã! Além de contos de terror ele também escreve contos  sarcásticos e com humor negro. Vale a pena conhecer o trabalho dele! E como esse mês é dedicado ao terror, nada melhor do que ter ele aqui conosco, não é?

Vamos lá então!

E.L.E.T – Desde que idade você escreve contos de terror? Como surgiu essa vontade?
B.R -Escrevo desde os meus 20 anos, ou seja, comecei a escrever contos de terror em 2010. Eu escrevia e publicava no site Recanto das Letras. A vontade de escrever neste gênero surgiu de ler os livros do Stephen King. Nessa época eu lia muita coisa dele, e como muitos autores batuta ribeiroque começam a escrever terror, eu quis me tornar um Stephen King brasileiro, como se isso fosse possível. E depois eu fui escrevendo, encontrando o meu estilo, o meu jeito de criar história, e essa coisa de querer ser tipo Stephen King ficou para trás. Tudo o que eu mais quero hoje é ser apenas um bom contista.

 

E.L.E.T – Da onde você busca inspiração? Tem algum autor do gênero que você se inspira?
B.R- Inspiração são ideias. Não tem nenhum lugar especifico que eu busco ideias. Eu sento de frente para o computador e fico apenas pensando no que vou escrever. Tem dias que as idéias demoram para vir, tem dias que vem rápido. Hoje, no momento, não há nenhum escritor do gênero que me inspire, pois também não tenho lido livros nos últimos tempos.

 

E.L.E.T – Quem são seus maiores críticos?
B.R- Os leitores dos grupos do Facebook. Mas na maioria, os comentários são bem positivos. É difícil alguém encontrar alguém criticando os meu contos.  

 

E.L.E.T – Você trabalha na área ou tem uma profissão completamente diferente da escrita?
B.R- Atualmente eu só trabalho de escritor.

 

E.L.E.T – Alguns dos seus contos são sobre lendas brasileiras, como a loira do banheiro, bonecas, brincadeira do copo…E isso me remete a infância, eu tinha pavor de ir no banheiro da escola sozinha e odiava bonecas. E você, quando era criança/adolescente, era da turma que assustava ou era assustado?
B.R-  Eu era do assustado. Uma vez, quando eu tinha oito anos, um amigo me contou sobre a loira do banheiro, que se você chutasse a porta três vezes, desse a descarga três vezes e falasse três palavrões, aparecia uma loira. E eu nunca tive coragem de fazer isso. E nem agora depois de grande.

 

batuta ribeiro 1E.L.E.T – Você tem medo de que?
B.R- De viajar de avião, sem dúvida.

 

E.L.E.T – Quais estilos literários podemos encontrar na sua estante de livros?
B.R-  Eu gosto muito de contos brasileiros. Gosto de Fernando Sabino, Luis Fernando Verissimo e Dalton Trevisan. Um livro que estou lendo no momento é “A Ovelha Negra e Outras Fábulas” do escritor Augusto Monterroso.

 

E.L.E.T – Seus contos fazem muito sucesso no grupo do facebook ‘ o beco dos livros’. Você esperava essa repercussão toda? Isso te motiva a escrever mais?
B.R- “O beco do livro” é um grupo fantástico. Ele é composto por leitores interativos, que estão sempre comentando sobre suas leituras, seus gostos, e fazendo amizades. Quando eu publico um conto no grupo “O beco dos livros” ou em qualquer outro grupo, sempre espero receber comentários, opiniões e curtidas. Que escritor não deseja isso? Tem contos que eu publico que tem poucos comentários ou nenhum comentário, tem outros que recebem bastante elogios. Mas isso não é algo que me motiva a escrever mais.
luciel ribeiro

 

E.L.E.T – Você tem algum conto favorito?
B.R- Tem um conto que escrevi em 2010 que se chama Maria Sangrenta. É um dos meus favoritos.

 

E.L.E.T – Você tem livros a venda na Amazon. Quando você lançou seu primeiro livro e como foi o processo?
B.R-  “Contos de Arrepiar” foi o primeiro livro que publiquei na Amazon. Foi publicado em julho de 2013. O processo de publicar na Amazon é bem simples e rápido. Além de ser gratuito. 

 

E.L.E.T – Quais dicas você daria para quem está começando?
B.R- Procure escrever sobre o que você gosta e do jeito que você gosta. Não tente ser outro escritor, ou escrever de um jeito que você não consegue. E antes de publicar qualquer coisa, corrija seu texto. Eu sempre tento escrever certo, por isso gosto de reescrever. E mesmo assim, um ou outro errinho acaba vazando, mas o importante é não ter vergonha de ver o erro, e não ter preguiça de corrigir.
separador-lápiz-3

 

Os livros vocês encontram no site da Amazon, tem um preço super acessível e é perfeito para presentear aquele amigo fã do terror ou decorar alguns contos para contar a noite e assustar os primos muá-hahaha….#quemnunca 

 

Espero que vocês tenham gostado! E caso queiram deixar perguntas para o Batuta, fiquem a vontade!

 

Beijos fantasmagóricos para vocês!

 

assinatura ana
Anúncios

4 comentários sobre “Entrevista com o escritor Batuta Ribeiro

Conte o que você achou!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s