Resenha: Belo Desastre, Jamie McGuire

Belo-desastre

Autor: Jamie McGuire          Editora: Verus                 Ano: 2012         Páginas: 392

Classificação 4 ⭐️ 🚍

Á venda l Submarino l Americanas

Sinopse:

Abby Abernathy é uma boa garota. Ela não bebe nem fala palavrão, e tem a quantidade apropriada de cardigãs no guarda-roupa. Abby acredita que seu passado sombrio está bem distante, mas, quando se muda para uma nova cidade com America, sua melhor amiga, para cursar a faculdade, seu recomeço é rapidamente ameaçado pelo bad boy da universidade.
Travis Maddox, com seu abdômen definido e seus braços tatuados, é exatamente o que Abby precisa e deseja evitar. Ele passa as noites ganhando dinheiro em um clube da luta e os dias seduzindo as garotas da faculdade. Intrigado com a resistência de Abby ao seu charme, Travis a atrai com uma aposta. Se ele perder, terá que ficar sem sexo por um mês. Se ela perder, deverá morar no apartamento dele pelo mesmo período. Qualquer que seja o resultado da aposta, Travis nem imagina que finalmente encontrou uma adversária à altura. E é então que eles se envolvem em uma relação intensa e conturbada, que pode acabar levando-os à loucura.

“- Você não faz o tipo dela – America disse, mudando de estratégia.
Travis se fez de ofendido.
– Eu faço o tipo de todas!”.

A escritora Jamie McGuire levou à loucura todos os leitores com o livro Belo Desastre. Uma narrativa pra lá de entusiasmante para quem gosta do gênero. Particularmente, foi a primeira vez que li um New Adult, e posso dizer que esta história me surpreendeu. Tal gênero tem sido, por muitas das vezes, erroneamente interpretado. O New Adult tem seu conteúdo voltado a ambientes mais juvenis, provocando desejo de novas descobertas e própria independência.

Nossa narradora é Abby Abernathy, uma garota aparentemente normal, a não ser pelo fato que a diferencia de praticamente todas as outras: não está interessada em Travis Maddox. Sua prima America namora o primo de Travis, Shepley. Isso faz com que Abby veja Travis constantemente. O rapaz era daquele tipo que enlouquecia qualquer garota; alto, musculoso, tatuado, confiante e dono de uma Harley Night Rod. Tinha pinta de cafajeste, e mesmo assim elas caiam aos seus pés. Depois de satisfazer seus desejos, ele as ignorava. Era sempre a mesma história. Isso justificava o fato do garoto ser muito seguro de si, quase invulnerável.

Quando não, Travis joga uma de suas cantadas baratas para cima de Abby, cuja garota não o cede, ignorando completamente suas tentativas. Apesar disso, ele não desiste dela e corre atrás desse objetivo com unhas e dentes. Afinal, um rapaz com a fama que ele tem contribuirá de que maneira nas expectativas de uma moça?

“Eu tinha mais influência sobre ele do que jamais achei que fosse possível”

“Eu havia me tornado a fraqueza de Travis”.

O romance entre Travis e Abby revela-se atraente, prendendo com muita absoluta certeza nossa atenção ao que está sendo descrito. Eles descobrem que têm muito mais coisas em comum do que imaginam. Presenciamos um Travis irrefutavelmente imprevisível. O homem confiante até então teria suas estruturas abaladas pela única garota que não caiu em seus jogos de sedução.

“É perigoso precisar tanto de alguém (…) Vocês são um desastre”.

“Eu sei que a gente tem problemas, tá? Sou impulsivo, esquentado, e você me faz perder a cabeça como ninguém”.

Estejam preparados para conhecerem Abby e Travis, pois uma vez que você começa a ler, não quer largar até terminar.

“Não era apenas eu nem apenas ele – era o que nós dois formávamos juntos”.

Ou seja, um desastre um belo maravilhoso sexy desastre.

Espero que essa resenha tenha aguçado a curiosidade de vocês. Ressalvo que este é meu ponto de vista, assim, abro um caminho para que vocês sintam-se a vontade e comentem quando e o que quiserem, pois a opinião de todos é valida!

Obrigada pela leitura!

assinatura nova luiza

Anúncios

4 comentários sobre “Resenha: Belo Desastre, Jamie McGuire

Conte o que você achou!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s