Resenha: Guerra Civil, Stuart Moore

guerra civil

Autor: Stuart Moore  Editora: Novo Século   Páginas: 398                 Ano: 2014

Classificação 3/5 ⭐️ 🚍

Á venda l Submarino l Americanas

Sinopse:

A épica história que provoca a separação do Universo Marvel! Homem de Ferro e Capitão América: dois membros essenciais para os Vingadores, a maior equipe de super-heróis do mundo. Quando uma trágica batalha deixa um buraco na cidade de Stamford, matando centenas de pessoas, o governo americano exige que todos os super-heróis revelem sua identidade e registrem seus poderes. Para Tony Stark o Homem de Ferro é um passo lamentável, porém necessário, o que o leva a apoiar a lei. Para o Capitão América, é uma intolerável agressão à liberdade cívica. Assim começa a Guerra Civil

“Então, uma figura surgiu na porta, sua silhueta contornada pelo fogo enfurecido. Um homem alto e musculoso usando um uniforme vermelho, azul e branco rasgado. Capitão América, a lenda viva da Segunda Guerra Mundial, dava um passo cauteloso de cada vez, deixando o inferno para trás, carregando uma mulher inconsciente em seus braços fortes.”

Os Novos Guerreiros são jovens e inexperientes, mas querem ser valorizados. Por isso, resolvem que irão enfrentar uma gangue de vilões muito acima do nível de poder deles. O que acontece é que oitocentos e cinquenta e nove moradores de Stamford, Connecticut morrem nesse dia.

“E uma vez você me disse: quando o outro lado tem mais homens do que nós, mais armas do que nós, numa proporção de vinte para um, é hora de parar de lutar.

– É verdade, quando você está errado – Capitão o encarou. – Quando você está certo, finca o pé no chão e não tira o time de campo.”

Um programa de TV filmava todo o acontecimento e a população que assistia àquilo começou a sentir medo, pois não podiam mais confiar nos heróis. A qualquer momento uma pessoa, até então comum, podia vestir uma roupa colorida, e, sem nenhum tipo de treinamento, colocar em risco a vida de pessoas.

O bilionário Tony Stark, o Homem de Ferro, havia reunido os heróis que hoje formavam os Vingadores, tinha fé no poder da indústria e da tecnologia. Capitão América era guiado pelo coração e pelo instinto. Agora vou revelar um spoiler #SPOILERALERT que aparece logo no começo do livro. O que mantinha o eixo, o centro dos Vingadores era Thor, e agora o amigo e companheiro deles aparentemente morrera sozinho, em uma guerra disputada bem longe dali.

“Tony pegou o objeto. Homem-Aranha espreitou e viu o que era: uma moeda de prata de dólar comum.

– Eu… eu não estou entendendo – disse Tony.

O Demolidor virou-se um pouco para ele.

– Agora você tem trinta e uma moedas de prata, Judas.”

Tony vai para Washington falar com o Congresso sobre a situação dos super-humanos nos EUA. Nesse meio tempo, Peter Parker, o Homem-Aranha, torna-se o novo Vingador.

“- A culpa não é sua. Assim como não podemos culpar um policial por atirar em um criminoso que aponta uma arma para ele.

– Sra. Sharpe…

– Shh. Eu também queria lhe dar isso – ela procurou na bolsa. – Era o brinquedo preferido do meu filho Damien desde que ele tinha três anos.

Ele pegou o brinquedo e fitou-o através da chuva. O boneco do Homem de Ferro…”

A Lei de Registro de Super-Humanos (LRS) prevê que todos os meta-humanos teriam que se registrar e passar por um treinamento para ter permissão de usar seus dons para praticar atos de heroísmo. Ela também dá ao governo poderes extremamente amplos de repressão.

E a partir daí começa a Guerra Civil, escolha seu lado! Homem de Ferro lidera o grupo a favor da lei, e assume o comando de sua implementação, formado por Quarteto Fantástico, Homem-Aranha, Miss Marvel, Viúva Negra, Mulher-Hulk e com todo o apoio da SHIELD e seus agentes.

Capitão América sabe que a LRS acabará com as máscaras, com a identidade secreta, colocando em risco a família dos heróis, também teme o controle do governo e da SHIELD, e o pior é que quem não se registrar, será preso sem julgamento, mesmo ao fazer o bem. Ele lidera a Resistência, que é contra a LRS, formada por Patriota, Luke Cage, Wiccano, Falcão, Demolidor, Golias, Manto, Tigresa, Adaga, Gavião Arqueiro, Hulkling, Célere e  Estatura.

“Capitão balançou a cabeça. Esses dois só tinham um ao outro; Manto dependia da Adaga para sobreviver. Como alguém podia pedir para dois jovens como eles se registrarem, entregarem suas vidas ao governo?”

São duas batalhas entre os a favor da LRS e a Resistência. Lógico que não vou dizer quem vence, vou dar só alguns detalhes. Na primeira batalha um herói morre. A segunda batalha revela um traidor, envolve heróis dos X-Men e de Atlântida e tem um resultado que eu não esperava.

A história do livro gira em torno de cinco heróis principais: Homem de Ferro, Capitão América, Homem-Aranha e a família de Reed e Sue Richards, ou Sr. Fantástico e Mulher Invisível, eles agora são casados e tem dois filhos. E o autor apresenta-nos quatro epílogos de cada um.

Agora vamos à minha opinião. Eu torci o tempo todo pelo Capitão, acho que é porque sou meio rebelde. No fim, percebi que ninguém era o dono da verdade, os dois estavam certos, só com pontos de vista diferentes.

É a primeira vez que leio uma história de super-heróis, no geral, achei interessante. O problema é que eu não conhecia muitos desses personagens e foi difícil criar uma aparência em minha cabeça, mesmo com a descrição de todos, precisei de muita imaginação. As batalhas tem muita ação, se o leitor não prestar atenção aos detalhes, acaba perdendo-se na narrativa.

“No limite da fábrica, Demolidor e Viúva Negra corriam um atrás do outro pelas paredes quebradas, através de janelas estilhaçadas, aparecendo e sumindo na forte chuva. No topo de um recipiente químico, Demolidor parou e olhou para trás para Viúva Negra, a decepção estampada em seu rosto.

Sue teve a impressão de ver os lábis dele formando as palavras: Você não sabe o que é liberdade.”

Estou esperando ansiosamente pelo filme, depois que assistir, eu faço a comparação, mas já acho que a história não é a mesma, só o título.

Se alguém quiser me indicar outro livro desse gênero, coloca nos comentários, por favor!

Ah! Tenho obrigação de soltar outro spoiler #SPOILERALERT, se não quiser saber, pare de ler!…

O Homem-Aranha revela ao mundo sua identidade e, antes disso, quando ele conta para a tia May é muito engraçado.

Beijocas!

assinatura nova tábata

Anúncios

Conte o que você achou!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s