Resenha: A estrela que nunca vai se apagar, Esther Earl

A-Estrela-que-nunca-vai-se-apagar

Autor: Esther Earl – Editora: Intrínseca               Ano: 2014 – Páginas: 448

Classificação 5/5 ⭐️ 🚍

Compre aqui l Submarino Americanas

Sinopse:

A Estrela Que Nunca Vai Se Apagar conta a história de Esther Grace Earl, diagnosticada com câncer da tireoide aos 12 anos. A obra é uma espécie de diário da jovem, com ilustrações, fotos de seu arquivo pessoal, textos publicados na internet, bate-papos com os inúmeros amigos que fez on-line e reproduções de cartas escritas em datas comemorativas como aniversários. A jovem perdeu a batalha contra a doença, mas deixou um legado de otimismo e celebração ao amor. Atualmente sua mãe, Lori Earl, preside a instituição sem fins lucrativos This Star Won´t Go Out (tswgo.org), que apoia pacientes e famílias que lutam contra o câncer.

” Apenas seja feliz, e, se não conseguir ficar feliz, faça coisas que te deixem feliz.”

Quando eu comecei a ler esse livro eu já sabia que a Esther não tinha sobrevivido mas mesmo assim eu fiquei com esperança. E eu chorei heim! Ô sofrimento!

Esse é um livro lindo, uma história real e principalmente uma lição de vida! Eu fiquei surpresa em ver como uma adolescente pode falar tantas coisas inteligentes, como se já tivesse vivido muito. O livro é composto por trechos do diário de Esther, fotos pessoais, postagens da família no blog e declarações de amigos e médicos.

É muito amor em 448 páginas. São muitos sentimentos…De verdade, leia! 

trecho a estrela que nunca vai se apagar

Esse trecho destruiu meu coração 😦

Ah uma curiosidade, muitas pessoas pensam que o livro ‘ A culpa é das estrelas’ foi baseado na vida de Esther. Mas não é. Esther serviu de inspiração para a história mas não tem nenhuma relação com a vida dela. Não existiu nenhum Gus, viagem para conhecer um escritor, visitar a casa de Anne Frank…Mas mesmo assim é uma linda homenagem de John Green para Esther. Ah e eles se conheceram mesmo! Foram amigos e tudo mais! Legal né 🙂 

É isso! Leiam e comentem, comentem se já leram, comentem sobre o tempo, sobre as olimpíadas..hahaha…brincadeira!

” Lembrem-se que vocês tem sorte, mesmo se acharem que não tem. Porque sempre tem alguma coisa pela qual ficar agradecido.”

Até a próxima!

Beijo, outro, tchau!

assinatura nova ana marys

Resenha: Cidades de Papel, John Green

CidadesDePapel

Autor: John Grenn         Editora: Intrínseca         Páginas: 368      Ano: 2013

Classificação 3 ⭐️ 🚍

Á venda l Submarino l Americanas

Sinopse: 

Quentin Jacobsen tem uma paixão platônica pela magnífica vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman. Até que em um cinco de maio que poderia ter sido outro dia qualquer, ela invade sua vida pela janela de seu quarto, com a cara pintada e vestida de ninja, convocando-o a fazer parte de um engenhoso plano de vingança. E ele, é claro, aceita.
Assim que a noite de aventuras acaba e um novo dia se inicia, Q vai para a escola e então descobre que o paradeiro da sempre enigmática Margo é agora um mistério. No entanto, ele logo encontra pistas e começa a segui-las. Impelido em direção a um caminho tortuoso, quanto mais Q se aproxima de Margo, mais se distancia da imagem da garota que ele achava que conhecia.

“Soquei a terra com os punhos e fiquei ali, batendo e esmurrando sem parar, a areia se espalhando pelas mãos até que eu cheguei às raízes da árvore, e ainda assim continuei, a dor vibrando por minhas palmas e pulsos. Até então eu não havia chorado por Margo, mas enfim chorei, golpeando o chão e gritando porque não havia ninguém para me ouvir: eu sentia saudades dela, eu sentia saudades dela, eu sentia saudades dela, eu sinto saudades dela.”

É o último ano de escola de Quentin, um garoto que mora em Orlando, inteligente, filho exemplar, que anda com a turma da banda, mesmo que não saiba tocar nenhum instrumento. Ele é apaixonado por sua vizinha de olhos azuis Margo. Eles eram amigos aos 09 anos de idade, mas, após encontrarem um homem morto no parque em que brincavam, nunca mais foram próximos.

Em uma noite Margo aparece na janela de Quentin e pede sua ajuda para colocar em prática um plano de vingança, e nessa noite eles também invadem um parque temático.

No dia seguinte, Quentin está ansioso para ver como Margo iria se comportar perto dele. Só que ela não aparece na escola, e nem em lugar nenhum, nem nos próximos dias, pois havia desaparecido.

Margo sumia com frequência, mesmo assim ele começa a buscar pistas de onde ela possa estar, na realidade, Quentin fica obcecado com isso.

Seus amigos Ben e Radar o ajudam nessa busca por Margo. As pistas que acham os levam à uma loja de suvenires abandonada, último lugar em que ela esteve antes de desaparecer. Eles encontram uma pichação na parede feita por ela: você vai para as cidades de papel e nunca mais voltará.

No dia de sua colação de grau, Quentin continua a investigar e acredita que ela está em uma cidade chamada Agloe, em Nova York. Ele convence seus amigos, Ben e Radar, e Lacey, a melhor amiga de Margo, a irem até essa cidade, uma viagem de carro de 21 horas.

“Eis o que não é bonito em tudo isso: daqui não se vê a poeira ou a tinta rachando ou sei lá o quê, mas dá para ver o que este lugar é de verdade. Dá para ver o quanto é falso. Não é nem consistente o suficiente para ser feito de plástico. É uma cidade de papel… Todas aquelas pessoas de papel vivendo suas vidas em casas de papel, queimando o futuro para se manterem aquecidas. Todas as crianças de papel bebendo a cerveja que algum vagabundo comprou para elas na loja de papel da esquina. Todos idiotizados com a obsessão por possuir coisas. Todas as coisas finas e frágeis como papel e todas as pessoas também. Vivi aqui durante dezoito anos e nunca encontrei ninguém que se importasse realmente com qualquer coisa.”

O livro é dividido em três partes. A parte um intitulada “Os fios” é a apresentação dos personagens e descreve a melhor noite da vida de Quentin em sua aventura com Margo. Essa parte começa meio clichê, mas no fim é bem interessante.

A parte dois “A relva” é quando Margo some e deixa pistas que Quentin segue na intenção de achá-la. Eu achei entediante, e queria chegar logo na parte três.

Enfim, a parte três “O navio” é separado pelo autor em horas – ao todo são 21 – a viagem de carro em busca de Margo. Essa parte é bem legal, são quatro amigos na estrada, com partes que me lembraram de filmes com o Jim Carrey, quando Ben urina em garrafas (Debi e Lóide) e quando encontram uma vaca no meio da estrada (Eu, Eu mesmo e Irene).

Eu indico o livro só se você não tiver nada melhor para ler.

Beijocas!

assinatura nova tábata

Curiosidades Literárias #11 – Livros Escritos em Parceria

Oi gente fina, elegante e sincera! 

Hoje vamos conhecer livros escritos por dois autores ou mais. Se um autor já emociona muita gente, imagina dois? 

Vamos lá!

O Menino da Mala 

O_MENINO_DA_MALA_1372108189BEscrito por Lene Kaaberbøl e Agnete Friss. Nina Borg vai a estação ferroviária a pedido de sua amiga buscar uma mala e ao chegar lá se depara com um menino de três anos, dopado mas vivo. Mal tem tempo de entender a situação, dois brutamontes aparecem e ela precisa fugir com a criança. Ao procurar sua amiga para entender o que está acontecendo descobre que ela morreu assassinada. Agora Nina precisa descobrir quem é esse menino e por que sua amiga a envolveu nisso ao mesmo tempo em que precisa continuar viva.

Will e Will

Will-Will-John-Green-David-Levithan

Esse livro foi escrito por John Green e David Levithan. Na história conhecemos dois adolescentes chamados Will Grayson, que além do nome não tem mais nada em comum. Cada capitulo é narrado por um personagem, o que eu acho muito legal!

 

O Talismã

O_TALISMA_1310238500BStephen King e Peter Straub ❤ O livro conta a história de Jack Sawyer, uma garoto de 12 anos que precisa enfrentar uma grande aventura para salvar a vida de sua mãe. Jack não tem muito tempo e é longa a viagem. A cada passo de sua jornada, precisa enfrentar inimigos perigosos que o perseguem nos dois mundos. No entanto, ele persiste, pois só terá sossego quando o valioso talismã estiver em suas mãos. Respire fundo e, se tiver coragem, acompanhe Jack nessa longa viagem. Ah, e não se surpreenda se, de repente, você começar a sentir que olhos o espreitam quando estiver absolutamente sozinho. Talvez você não esteja tão só quanto imagina…

Deixe a neve cair

download (1)Esse aqui é tri! John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle! O livro se passa no Natal, numa noite em que a cidade recebe a visita de uma tempestade de neve e obriga todos os moradores a ficarem exatamente onde estão. Três contos de amor, beijos e comédia romântica.

 

Dezesseis Luas

tumblr_n0u9niU6VF1tses25o1_500Esse livro super legal que ficou horrível no cinema foi escrito por duas autoras,  Kami Garcia e Margaret Stokl. A história é sobre Lena Duchannes que tem poderes e uma maldição que atinge todos da família ao completarem 16 anos. Ao mudar de cidade acaba conhecendo Ethan, um garoto que sonhava com Lena, mas não fazia ideia de que ela realmente existia.

 Desafio de Ferro

Magisterium-O-Desafio-De-Ferro-Cassandra-Clare-Holly-Black-Selo-Irado-Novo-Conceito-MLNETEsse é um livro escrito pelas fofinhas queridinhas da atualidade: Cassandra Clare e Holly Black. A história é sobre Callum Hunt que não quer passar no teste Desafio de Ferro e mesmo se esforçando acaba passando e indo para Magisterium, uma escola de magos. Ele embarcará em uma aventura perigosa, rumo ao seu passado, garantindo revelações que desestabilizaram seu futuro.

O Reino das Vozes que não se Calam

O_REINO_DAS_VOZES_QUE_NAO_SE_CALAM_1406642891BSophia Abraão e Carolina Munhoz, nossa parceria brasileira da lista! O romance conta a história de Sophie, uma garota cansada de sofrer com a indiferença das pessoas até descobrir um Reino onde seus talentos são reconhecidos. Cedo ou tarde, porém, ela terá que decidir entre a realidade e a fantasia, numa jornada repleta de descobertas e desafios.

separador-lápiz-3

E é isso! Espero que tenham gostado!

Até semana que vem! E se tiver alguma ideia, me conta!

Beijo, outro, tchau!

assinatura ana